quinta-feira, 25 de julho de 2013

Deputado escancara as mazelas do Maranhão e coloca Roseana Sarney na seara do constrangimento

Waldir Maranhão
Sem saída – As roucas vozes das ruas obrigaram alguns políticos a mudanças, mas em determinadas regiões do País promessas vazias e chicaneiras não mais serão aceitas pela população cada vez mais espoliada em seus direitos básicos. 

É o caso do Maranhão, mais pobre unidade da federação e reduto político do clã comandado pelo senador José Sarney, que há cinco décadas governa o estado como se fosse um caudilho.

Adepto confesso da concentração de poder, Sarney agora assiste à derrocada política de sua filha Roseana, que como governadora pouco ou nada fez para o estado que se transformou em endereço nacional da miséria e do desmando.

Qualquer mudança, a partir das cobranças que ecoaram dos recentes protestos, só será possível se patrocinada por pessoas que se contrapõem aos dogmas totalitaristas que emanam da Praia do Calhau, que durante longos anos foi a trincheira da família Sarney.

Quem conhece o Maranhão sabe da dura realidade que sua brava e corajosa gente enfrenta no cotidiano. Sempre preocupados com os próprios interesses, os “sarneyzistas” despertaram tardiamente para as premências da população.

De olho nas eleições de 2014, adversários políticos de Roseana Sarney começam a se movimentar, expondo o caos em que se transformou o estado. Presidente do capítulo maranhense do Partido Progressista, o deputado federal Waldir Maranhão usou o programa partidário para levar ao País as mazelas recorrentes que dominam o cotidiano local.

No ar desde a última terça-feira (23), o programa do PP, que deixa de lado as promessas de sempre, termina com fase marcante e que vai ao encontro do anseio dos maranhenses. “O povo do Maranhão não aguenta mais. Quer mudança [...] e um governo que tenha o olhar para as pessoas”.

Enquanto o Brasil se depara mais uma vez com a dura realidade do Maranhão, quem deveria se preocupar com os cidadãos deixa de lado suas obrigações para tratar de assuntos pessoais. 

Afinal, no fim de semana que se avizinha a escandalosa discrepância social que impera na terra do arroz de cuxá ficará ainda mais evidente na esteira de uma festa de casamento com a rubrica milionária da família Sarney.

video


Ucho.Info

Nenhum comentário: